Bem-vindo à Biblioteca Digital do Instituto Gênesis. Todos os trabalhos presentes na Biblioteca abordam o empreendedorismo e a inovação, em seus espectros social, econômico, cultural e/ou ambiental. Nossa Biblioteca está dividida em duas seções:
- Artigos, publicações, teses e dissertações realizadas por pesquisadores do Instituto Gênesis, ou realizadas por pesquisadores que abordam o Gênesis em seus trabalhos;
- Trabalhos de Conclusão do Curso de Pós-graduação em Educação Empreendedora da PUC-Rio realizado pelo Gênesis e Departamento de Educação da Universidade em parceria com o Sebrae.

Estudo de Cadeias Produtivas como Mecanismos de Planejamento para Indução de Empreendimentos em Incubadoras de Empresas

01.01.2003
Autores:
Julia Zardo e Míriam Pizzo
Resumo:
A realização de estudos de cadeias produtivas, com o objetivo de segmentar e entender setores da economia, visa aproveitar oportunidades identificadas na formação de empreendedores e empreendimentos que atendam às deficiências e demandas dos setores. Um dos principais obstáculos é a adaptação das metodologias de estudo de cadeias produtivas de setores tradicionais da economia para a Indústria Cultural. Nesse sentido, considerou-se a estrutura difusa, em rede de muitas das cadeias para agregar conceitos das teorias dos sistemas complexos e dos fractais, no intuito de aprofundar o entendimento da Economia do Entretenimento. Como caso específico, observou-se o potencial da cultura como meio de desenvolvimento econômico, social e regional, percebendo-se um vasto campo de atuação e expansão inexplorado. A carência de dados e informações concretas sobre esse setor levou a Incubadora Cultural Gênesis a buscar meios de visualizar o cenário cultural do Rio de Janeiro e identificar novos nichos de mercado, que possam servir de foco para futuras empresas incubadas.Os resultados obtidos são fundamentais para o desenvolvimento articulado entre agentes públicos e privados, permitindo a geração de empreendimentos e empreendedores, em consonância com as demandas identificadas na indústria cultural. Assim, ganha-se mais uma ferramenta para planejar o foco de atuação da Incubadora.

Empreendedores de alta tecnologia no Brasil: propensos ao crescimento?

01.08.2000
Autor:
Antonio José Junqueira Botelho e Eva G. Jonathan
Local da Publicação:
Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Resumo:
A recente internacionalização da economia brasileira e a concomitante expansão de seu mercado instigaram a criação de uma multiplicidade de nichos de mercado, especialmente nos setores relacionados à tecnologia da informação, que tem sido ocupados ,de maneira competente, por uma nova classe de empreendedores de alta tecnologia. Enquanto tal emergência, por si só, parece atestar a existência de um espírito empreendedor até então desconhecido no Brasil, e a abertura de portas para a possibilidade de seu ulterior cultivo, não parece estar claro ainda se estes empreendedores são reais assumidores de riscos voltados para o crescimento.

Creativity: people, environment and culture, the key elements in its understanding and interpretation

04.04.1017
This paper discusses three aspects of entrepreneurship: people (innovators, entrepreneurs and amateurs)
at the core of creative production who ‘function’ as agents of transformation; culture which helps to
motivate people and create a value system (embedded contexts) and; the environment where
innovations and entrepreneurial settings function as productive factors to stimulate more creativity.
Looking from these three angles we present a triple helix for innovation related to creativity or the
creative industry. Relying on a substantive report issued in 2008 by the United Nations Conference on
Trade and Development, we explore aspects linked with the creative industries or the economies that
form part of it. Despite differing views on the definition of the term ‘creativity’, the paper tries to
analyse creative people as entrepreneurs, proposing a triadic approach to understand and interpret it,
thus presenting our second, more consolidated, triple helix for creative entrepreneurship. We also draw
on practical knowledge to discuss the core elements of our triple helix.
CURSO EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA

PROPOSTA DE INTERVENÇÃO INOVADORA PROJETO TRANSFORMANDO LIBRAS EM REAIS

05.07.2017
Autor: Fábio Gonçalves de Oliveira

Resumo: Com o desenvolvimento das pessoas e do mercado, cada vez mais se faz necessária a comunicação para melhoria das negociações e solução de necessidades. Assim também é no mercado de consumo, onde as pessoas que vendem devem ter o melhor nível de comunicação com as pessoas que compram, os clientes, para que possam oferecer o melhor produto que supra o máximo de necessidades dos que procuram a solução. Com o aumento da população, se faz cada vez mais necessário que o comércio se atualize e se capacite para receber todos os indivíduos que tem alguma necessidade de produtos ou serviços. Assim, estar preparado para atendê-los será um diferencial e tanto.

Palavras-chave: Surdos-mudos, bom atendimento, qualidade, deficiêntes.
CURSO EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA

A Coleta dos Resíduos Tecnológicos e os Impactos Positivos para o Meio Ambiente, Sociedade e Economia

05.07.2017
Autor: Geraldo de Macedo Pinheiro Neto

Resumo: Resíduos tecnológicos são gerados pela sociedade em suas diversas atividades, constituem um risco ao meio ambiente e requer estratégias, como descarte correto, reciclagem e reuso para amenizar o problema. O estudo teve como objetivo mostrar a viabilidade do processo de reuso e reciclagem de resíduos tecnológico como oportunidade de renda para a sociedade, meio ambiente e economia. A metodologia utilizada consistiu em pesquisa qualitativa com fins descritivos. Os resultados evidenciaram que a empresa usou o empreendedorismo para fazer o descarte correto, gerar renda e levar inclusão digital para as comunidades carentes, além de levar cidadania e os valores sociais foram a melhoria e qualidade ao meio ambiente.

Palavras-chave: Resíduo tecnológico; Meio Ambiente; Descarte Correto; Empreendedorismo.
CURSO EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA

Curso de Empreendedorismo “Atitudes Empreendedoras”

05.07.2017
Autor: Gilvanio Alves Pereira

Resumo: Este trabalho visa qualificar os docentes do Campus Paraíso do Tocantins do Instituto Federal do Tocantins através do Curso: Atitudes Empreendedoras. Curso este que será ofertado no Campus no período vespertino. Este curso tem a intenção de sensibilizar os docentes quanto à importância da inserção do empreendedorismo no currículo do Ensino Médio do Campus Paraíso do Tocantins. Através da qualificação dos docentes, pretende-se melhorar a inserção dos alunos egressos no mercado de trabalho. O curso será ofertado em um período de 03 meses com uma carga horária total de 60 horas, distribuídas em 04 módulos de 15 horas cada. Os módulos estão divididos da seguinte forma: Módulo I – O Empreendedor. Módulo II – O Empreendedor e as oportunidades. Módulo III – Modelo de Negócios. Módulo IV – Plano de Negócios.


Palavras-chave: Empreendedorismo, Educação, Ensino-aprendizagem.
CURSO EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA

PRONATEC Empreendedor: Formação e Capacitação

05.07.2017
Autor: Rosângela Cerqueira Luz

Resumo: A Educação Empreendedora vem se consolidando dentro dos currículos de ensino e Programas socioeducativos, atendendo a necessidade de formação e qualificação dos interessados pela ação empreendedora, individual ou em
atividades empresárias, que lhes proporcione a condição de mobilidade
financeira, através da criação de pequenos negócios, da renegociação de
produtos com mais rentabilidade, ideias arrojadas, atividades técnicas,
tecnológicas, comerciais, empresárias, entre outras. O mundo dos negócios
exige um conhecimento específico, ofertado na Educação Básica e
Profissional, como também através de cursos FIC - Formação Inicial e
Continuada, ofertados pelo PRONATEC – Programa Nacional de Acesso ao
Ensino Técnico e Emprego, com o objetivo de qualificar e formar os alunos
através do processo ensino e aprendizagem, através da oferta de cursos
profissionalizantes, onde a disciplina Empreendedorismo é a base norteadora
para a consecução de um dos objetivos desse Programa, a inserção do aluno
no mercado de trabalho. A oferta de um curso de capacitação, para o corpo
docente desta disciplina, tornou-se imprescindível e necessário, oferecendo
suporte didático e pedagógico para a melhoria da qualidade do ensino.

PALAVRAS-CHAVES: Educação Profissional, empreendedorismo, formação e
capacitação
CURSO EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA

Audiovisual como ferramenta de divulgação dos conhecimentos científicos

04.07.2017
Autor: Larissa dos Santos Frigotto

Resumo: A proposta deste trabalho é de criar uma plataforma com vídeos gravados pelos próprios pesquisadores sobre obras e artigos científicos. O objetivo, num contexto de uma cultura cada vez mais visual e com recursos tecnológicos cada vez mais potentes, é de alargar as formas clássicas de divulgação e de socialização do conhecimento científico. Trata-se da utilização, pelos próprios pesquisadores, sem narradores intermediários, de uma ferramenta que viabiliza, com uma linguagem própria de outro suporte tecnológico da utilizada no texto escrito, atingir um amplo público e com a possibilidade de interação. Assim, esse texto trata, inicialmente, do surgimento da atividade especifica de produção do conhecimento científico que o difere do senso comum e do bom senso. Discutem-se, em seguida, análises sobre as implicações e as distorções que podem advir da divulgação dos trabalhos científicos por mediadores ou narradores e não pelos próprios pesquisadores. Distorções que podem advir pelo não domínio daquele conhecimento e dos métodos de sua produção pelo narrador ou por interesses de outra natureza. Por fim, o trabalho trata da ferramenta do audiovisual e da internet como novos e importantes meios de divulgação pelo próprio pesquisador de sua produção científica. Como considerações finais salientam-se os benefícios desta ferramenta para a socialização e apropriação do conhecimento tanto para intercâmbio em âmbito global, quanto para processos educativos clássicos, incluindo ensino à distância. Destacam-se nesses benefícios os processos interativos, capazes de agregar novos sentidos ao conteúdo publicado.

Palavras-chave: Senso comum, conhecimento científico, tecnologia digital, divulgação audiovisual.
CURSO EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA

Proposta de Criação do Curso Formação de Times de Ciências para a Formação Inicial e/ou Continuada de Professores de Ciências

04.07.2017
Autor: Regiane Lopes dos Santos

Resumo: A proposta de Curso Formação de Times de Ciências, voltado para a formação
inicial e/ou continuada de Professores de Ciências Naturais, foi desenvolvida neste
Trabalho de Conclusão de Curso, observando-se o contexto da Educação Científica no
Brasil em Nível Médio. Sabe-se que o interesse dos estudantes por esta área do
conhecimento tem sido cada vez menor e, que, em muito, tal desmotivação pode afetar o
desenvolvimento científico e econômico, uma vez que menos jovens pesquisam, inovam
ou empreendem em processos/produtos, conhecimento e produção de tecnologia em nosso
país. Os jovens que se interessam por ciências naturais tendem a usar sua força e
criatividade quando ingressam no Ensino Superior, quando poderiam já estar usando suas
habilidades em etapas anteriores de sua formação. O curso propõe despertar o professor
(ou futuro professor) para a necessidade de estabelecer mudanças na forma de ensinar, para
melhor preparar seus estudantes para o mundo que não concebe o conhecimento como nas
décadas anteriores. Desse modo, são apresentadas três disciplinas neste curso de 40h:
Modernidade e transformações sociais, culturais e no mundo do trabalho que propõe
um caminho pelas mudanças ocorridas no cenário social, cultural e do trabalho; Noções de
empreendedorismo – em que é feita uma introdução ao empreendedorismo e às
características do empreendedor e Criatividade e inovação no ensino de ciências, que
busca discutir o papel do trabalho em grupos e a partir da resolução de problemas, a fim de
estimular a criatividade e tornar as aulas de ciências mais atrativas.

Palavras-chave: ciência, empreendedorismo, formação inicial e continuada.
CURSO EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA

Educação e Esporte: Transformando Vidas por meio do Empreendedorismo Social

01.07.2017
Autor: Adonias Soares da Silva Júnior

Resumo: Este trabalho resulta na apresentação de uma proposta de intervenção inovadora a ser implementada como forma de projeto de extensão no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO), campus Porto Velho Zona Norte, tendo como o objetivo central promover, por meio da Educação e do Esporte o acesso ao mercado de trabalho de jovens em vulnerabilidade social. Com relação aos procedimentos metodológicos, visando alcançar os objetivos e responder aos questionamentos propostos, foi escolhida a metodologia de desenvolvimento de projeto, adotou-se a abordagem qualitativa descritiva, de maneira que um questionário semiestruturado será utilizado para a coleta de dados. Os colaboradores da proposta são servidores do IFRO, entidades parceiras e voluntários. Espera-se com os resultados a qualificação de 400 jovens em situação de vulnerabilidade social no bairro carente do município de Porto Velho.

Palavras-chave: Educação. Esporte. Empreendedorismo Social. Qualificação.
CURSO EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA

Intervenção Inovadora na comercialização de resíduos: Uma alternativa para destinação adequada de pneus inservíveis

01.07.2017
Autor: Adriana Albuquerque do Nascimento Sousa

Resumo: A série de passivos ambientais relacionadas a má gestão dos resíduos sólidos gerados em grandes cidades tem sido um desafio para os órgãos ambientais, ao mesmo tempo em que boa parte desses resíduos tem sido a principal fonte de renda de muitas famílias que, sem alternativas de emprego e renda, tem desenvolvido atividades de separação e comercialização destes. Esta ação tem como objetivo demonstrar a viabilidade econômica do aproveitamento de pneus inservíveis para incrementar a renda dessas famílias, por meio do desenvolvimento de um projeto piloto que coletou e transformou diversos pneus inservíveis em brinquedos infantis, os pneus foram coletados no período de um mês na área urbana de Tucuruí no Estado do Pará. A experiência apresentou a resultados positivos com a possibilidade de incremento real de 130,26% do valor da venda desses resíduos. A proposta final do projeto é capacitar os catadores que atuam no lixão do município para a fabricação de brinquedos com pneus inservíveis. Por se tratar de um experimento, todos os brinquedos fabricados durante o projeto foram doados a uma escola de educação infantil que atende a várias comunidades carentes do município.

Palavras-chave: Reaproveitamento, Pneus Inservíveis, Empreendedorismo Social.
CURSO EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA

Implantação de ação interventora com objetivo de gerar renda própria e formar empreendedores dentro do Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia do Triângulo Mineiro – IFTM Campus Patrocíni

01.07.2017
Autor: Alda Kelly Neiva

Resumo: O empreendedorismo é uma força, uma opção e uma ação inevitável para o avanço do mercado de trabalho, uma linha exequível para a geração de renda e crescimento do país. O empreendedorismo é a capacidade de criar, inventar, de transformar uma ideia em negócios. O ser não nasce empreendedor, ele se torna empreendedor, e nesse papel de educação formal está o Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia do Triângulo Mineiro – IFTM Campus Patrocínio, que é uma Instituição que possui em sua grade curricular o ensino voltado para o ensino médio técnico. Esse trabalho visa criar uma iniciativa empreendedora dentro do IFTM Campus Patrocínio, que faça com que os ensinamentos teóricos se aliem à prática e que essa prática traga benefícios tanto para a Instituição como para o aluno. Assim, visa-se implantar ações que agucem a criatividade dos jovens, que os façam terem ideias, que dessas ideias saiam oportunidades que virem produtos e que esses produtos sejam fonte de renda para a Instituição, e que o dinheiro arrecadado seja revestido em compra de equipamentos para investimento em ações de educação. Atualmente, a única fonte de renda do IFTM é o recurso federal, porém através do empreendedorismo trabalhado junto aos alunos, pretende-se realizar intervenções que incitem a capacidade empreendedora dos discentes e façam a instituição gerar recursos próprios, através dos seus recursos físicos e humanos.

Palavras-chave: Empreendedorismo, Trabalho e Geração de Renda.
CURSO EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA

CAPACITAÇÃO EM EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA PARA A EDUCAÇÃO PROFISSIONAL

01.07.2017
Autor: Ana Maria Fortes Dos Santos

Resumo: A proposta de um curso de Capacitação para Docentes da Educação Profissional veio para não deixar o espirito empreendedor, despertado em cada profissional participante da especialização, esmorecer e sim fortalecer-se ao ser compartilhado com os colegas e alunos das instituições oriundas. O aprendizado adquirido ao logo do curso trouxe uma nova visão de que empreender não é apenas abrir um negocio próprio, mas sim toda uma filosofia de vida, que será difundida através da educação empreendedora, pois é dever do professor formar futuros profissionais conscientes do seu papel no mundo do trabalho e da sociedade globalizada. A Especialização em Educação Empreendedora promoveu à formação continuada de professores/educadores do Sistema S e IF, mostrando-lhes caminhos e mecanismos para o aprimoramento de seu desempenho didático/pedagógico em sala de aula, fortalecendo o desenvolvimento de uma cultura empreendedora e fortalecendo o espirito empreendedor para melhor execução qualitativa de suas atividades em sala de aula. Portanto as metodologias utilizadas no decorrer do curso propiciaram ao professor amadurecimento e evolução profissional. Durante o processo de ensino/aprendizagem foi imprescindível à colaboração de todos para a irradiação da educação empreendedora. Os artigos, os vídeos e as pesquisas foram de grande relevância para o desenvolvimento de cada unidade estudada.

Palavras chave: Capacitação. Educação. Empreendedorismo. Profissional.
| 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |
| 1 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 16 |

PALAVRA-CHAVE

BIBLIOTECA GÊNESIS

PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA